Antiinflamatorios



Lidaflan

Indicação

Para quê serve Lidaflan?

Todas as doenças que requerem atividades anti-inflamatórias, analgésica e antipirética, inclusive as relacionadas ao aparelho osteoarticular. No tratamento coadjuvante de doenças otorrinolaringológicas e respiratórias (otites, amidaglites, laringotraqueítes e bronquites), na cefaléia, mialgias, reações pós-imunização e dor pós-operatória.

Contraindicações

Quando NÃO devo usar este medicamento?

Hipersensibilidade individual ao produto, ao ácido acetilsalicílico, ou a outros fármacos anti-inflamatórios não esteróides; hemorragias gastrintestinais; úlcera duodenal em fase ativa; disfunções hepáticas e renais graves.

Posologia

Como usar Lidaflan?

Adultos: 50 - 100 mg, 2 vezes ao dia, podendo alcançar até 200 mg, 2 vezes ao dia. Os comprimidos devem ser ingeridos preferencialmente após as refeições. Em caso de insuficiência renal, a posologia deve ser adaptada às necessidades de cada paciente, de acordo com os valores do filtrado glomerular. Crianças: suspensão oral: a dose diária é de 5 mg/kg de peso corporal, em 2 tomadas iguais. Crianças de 1 a 3 anos: 2,5 ml, 2 vezes ao dia. De 4 a 7 anos: 5 ml, 2 vezes ao dia. De 8 a 10 anos: 7,5 ml, 2 vezes ao dia. Gotas: 1 gota (2,5 mg) por kg de peso corporal a cada 12 horas. Sugestão: crianças de 1 a 3 anos: 50 miligramas por dia, ou seja, 10 gotas (25 mg) a cada 12 horas. Crianças de 4 a 7 anos: 100 miligramas por dia, ou seja, 20 gotas (50 mg) a cada 12 horas. Crianças acima de 8 anos: 150 miligramas por dia, ou seja, 30 gotas (75 mg) a cada 12 horas. - Superdosagem: em caso de ingestão do medicamento, proceder imediatamente à lavagem gástrica, seguida de hidratação oral ou venosa com soro glicosado, uso de antiácido sob a forma de suspensão, e um período de observação do paciente por 12 a 24 horas. Se ocorrer intoxicação pode ser necessária diurese alcalina, e se houver comprometimento da função renal poderá ser efetuada hemodiálise. Em pacientes idosos recomenda-se cautela na administração do produto.

Efeitos Colaterais

Quais os males que este medicamento pode me causar?

Ocasionalmente podem ocorrer febre, náusea e epigastralgia, geralmente leves e transitórias. Esses efeitos dificilmente são de tal ordem que seja necessária a suspensão do tratamento. Embora ainda não relatado, assim como outros fármacos anti-inflamatórios não-esteróides, o produto pode provocar sonolência, vertigens, ulcerações pépticas e sangramento gastrintestinal. Foram observados, raras vezes, casos de erupções cutâneas do tipo alérgico.

Advertências e precauções

O que devo saber antes de usar este medicamento?

O produto deve ser administrado com cautela a pacientes com história de doenças hemorrágicas, portadores de afecções do trato gastrintestinal superior e em pacientes sob tratamento com anticoagulantes e outros fármacos inibidores da agregação plaquetária. Sendo por via renal a excreção da nimesulida, sua posologia deve ser adaptada a pacientes com capacidade renal diminuída. O tratamento deve ser suspenso, e deve-se proceder a um exame oftalmológico caso ocorram perturbações visuais em pacientes apresentando histórico de alterações oculares devidas a outros fármacos anti-inflamatórios não esteróides. Não foram reportadas até o momento evidências teratogênicas e (ou) detecção no leite materno, porém o emprego do produto não é aconselhado durante os períodos de gravidez e lactação. - Interações medicamentosas: à semelhança de outros fármacos anti-inflamatórios não esteróides, a nimesulida pode sofrer interações com o álcool e com substâncias comprovadamente irritantes da mucosa gástrica, ampliando os respectivos potenciais gastrolesivos; também com anticoagulantes, aumentando o risco de hemorragias gastrintestinais.

Composição

Cada comprimido contém: nimesulida 100 mg, excipientes (celulose, lactose, amido de milho, glicolato de amido sódico, PVP, estearato de magnésio) q.s.p. 1 comprimido. Cada 5 ml da suspensão oral contém: nimesulida 50 mg; excipientes (álcool etílico, ácido benzóico, carboximetilcelulose, tween 80, sorbitol 70%, sacarose, vanilina e água bidestilada) q.s.p. 5 ml. Cada ml (20 gotas) da suspensão oral gotas contém: nimesulida 50 mg, excipientes (metilparabeno, propilparabeno, tween 80, sacarina sódica, sorbitol 70%, álcool etílico, essência de cereja e água bidestilada) q.s.p. 1 ml. Cada gota contém 2,5 miligramas de nimesulida.

Apresentação

Caixa com 12 comprimidos; suspensão oral: frasco com 60 ml; suspensão oral: gotas: frasco gotejador com 15 ml.

Laboratório

Instituto Biochimico Ltda.